Bandeira:

Capital: Cidade de San Marino

Língua:Italiano

Área: 61 km²

População: 32538

Fuso horário: UTC/GTM 1

Moeda: EURO (EUR)

Código telefone: +378

Tipo de tomada (plugue): 230 V, 50Hz. Tipo de plugue F ou Schuko. Esse tipo de plugue também funciona com o Tipo C (europlug). Plugue Tipo L: plugue típico italiano com três pinos paralelos e de igual tamanho.

Por ser muito pequeno, e em uma região montanhosa, San Marino não conta com aeroporto próprio. Mas isso não é problema! Afinal, a 16 km de distância, na cidade italiana de Rimini, você pode fazer seu pouso. Além disso, San Marino também é perfeito para uma viagem de carro pela Itália. Em ambos os casos, será necessário apresentar seu passaporte na fronteira para obter o visto de turista de 90 dias. O ETIAS para viajar para San Marino também é item importante.

Recentemente criado, o ETIAS é um visto eletrônico da União Europeia para ter mais controle das suas fronteiras, para saber quem está entrando e saindo de cada país. 2021 é o ano que marca o início da obrigatoriedade do ETIAS, mas como ele tem a validade de três anos, fazer o seu com antecedência pode ser inteligente ao evitar possível demora no processo, no futuro.

Como viajar para San Marino com a autorização ETIAS

Para fazer o ETIAS, é necessário preencher um formulário eletrônico e pagar uma taxa em Euros, por meio de cartão de crédito ou débito. Tudo é feito de forma online, o que deixa o processo mais prático, sem ter que visitar um consulado. O ETIAS para brasileiros é item fundamental, tanto na entrada das fronteiras, quanto na livre circulação nos países que compõem o Espaço Schengen.

O Espaço Schengen é um conglomerado de 26 países europeus que se reuniram para estabelecer um tratado de livre comércio e mobilidade. Assim, os cidadãos de um desses países podem entrar na nação vizinha sem complicações. Para nós, brasileiros, ainda será necessário apresentar o passaporte (quando solicitado pelo fiscal) e a autorização ETIAS para viajar para San Marino, mas o processo de entrada será muito mais rápido e prático.

Quem entra em San Marino ou em qualquer outro país da Europa com ETIAS para brasileiros tem o prazo de 90 dias para ficar no território do continente. Nesse período, uma das atividades possíveis é fazer um curso do idioma italiano. Assim, você aproveita para conhecer a tranquilidade de San Marino, aprender algo novo e voltar com mais conhecimento na bagagem.
A verdade é que, seja para visitar ou para fazer um intercâmbio italiano, San Marino é uma ótima opção. E para não ter complicações na entrada do país, é importante contar com um passaporte válido, os documentos solicitados na fronteira e o ETIAS para brasileiros.

Então, você já sabe: faça seu ETIAS para viajar para San Marino e descubra todas as vantagens que esse pequeno e histórico país da Europa pode oferecer para os turistas. E prepare-se para ficar impressionado com suas construções históricas únicas, como o Castelo Guaita, o Monte Titano e o Palazzo Pubblico. A verdade é que você terá bons motivos para voltar à San Marino em um futuro breve!

Informações pessoais para o formulário ETIAS para viajar para San Marino

Na hora de fazer o pedido da sua autorização ETIAS, vai perceber que é necessário preencher uma série de dados. Uma dica é já deixar próximo de você seus documentos pessoais e passaporte. Depois de pagar a taxa em Euros, é só esperar pela resposta no seu e-mail.

Essas são as informações pessoais necessárias para preencher o formulário ETIAS:

  • Nome completo
  • Local e data de nascimento
  • Sexo
  • Endereço
  • Número de telefone e e-mail
  • Nível acadêmico ou informação do emprego atual
  • Informação do passaporte ou de um outro documento de viagem válido
  • País de chegada
  • Responder ao questionário de elegibilidade ETIAS

Documentos que você precisa ter para viajar para San Marino

Em uma viagem para San Marino, é importante levar os seguintes documentos (se a entrada for feita pela Itália):

  • Passaporte com validade de pelo menos seis meses posteriores à data de entrada na Itália
  • Disponibilidade de recursos financeiros durante a prevista permanência, de cerca de 45 Euros por dia
  • Reserva de hotel onde ficará hospedado ou carta-convite assinada por cidadão italiano ou estrangeiro legalmente residente
  • Bilhete aéreo de retorno para o Brasil com data marcada
  • Autorização de viagem ETIAS
  • Certificado internacional de vacina para Febre Amarela

Alguns desses itens são obrigatórios, enquanto outros são solicitados somente em alguns casos. O ideal é que o turista vá preparado com tudo o que está na lista, além de checar se há algum novo documento necessário no Portal Consultar Brasileiro.

Embaixada do Brasil San Marino

Não há uma embaixada específica do Brasil em San Marino. Em caso de necessidade, o recomendado é buscar apoio na Embaixada do Brasil em Roma, na Itália.
Endereço: Piazza di Pasquino, 8 / CAP: 00186 / ROMA
Telefone: (+39) 06 6889661
Email: consulado.cgroma@itamaraty.gov.br