Bandeira:

Capital: Madrid

Língua:Espanhol (Castelhano), Aragonês, Asturiano, Basco, Catalão, Galego,Occitano

Área: 505.990 km²

População: 46468102

Fuso horário: UTC/GTM 1

Moeda: EURO (EUR)

Código telefone: +34

Tipo de tomada (plugue): 230 V AC, 50Hz. Tomada tipo F ou Schuko. Esse tipo de plugue também funciona com o Tipo C (europlug) e tipo E.

Como viver legalmente na Espanha com o visto ETIAS

Para algumas pessoas, morar na Espanha é uma boa opção pela proximidade da língua. Se você pretende ficar na Espanha para trabalhar ou estudar, então você necessita pedir o visto ETIAS e depois solicitar o visto de acordo com a sua situação (por exemplo estudar ou trabalhar).

Se você quer estudar na Espanha uma vez os 90 dias do visto ETIAS tenham terminado você terá que pedir um visto de estudos que é uma autorização para ficar na Espanha por mais de 90 dias para a realização de estudos em um centro de ensino autorizado, por tempo completo, para a obtenção de um título ou certificado de estudos.

Se você quer viver e trabalhar na Espanha, uma vez tenham terminado os 90 dias do visto ETIAS você pode pedir um visto de trabalho. Trabalhadores altamente qualificados ou com uma formação superior que são contratados por uma empresa espanhola, podem obter uma autorização de residência temporária. Os ‘permisos’ de residência em qualquer têm diferentes períodos de validade dependendo da cidade onde vá morar. Mas por norma a primeira vez que um trabalhador estrangeiro solicita este tipo de visto este é válido por um ano. A segunda e a terceira é ampliado a dois anos cada vez. Também existe o visto de reagrupação familiar, isto quer dizer que se você estiver casado e se tiver filhos, estes podem viver também na Espanha.

Para obter qualquer uma dessas autorizações de residência, será necessário mostrar que a pessoa tem recursos econômicos para se manter no país, não tem antecedentes criminais nem uma doença que considerada perigosa para a saúde pública, como por exemplo ebola ou o dengue.