ETIAS Visa for Europe Visto ETIAS do 90 dias para entrar na Europa | Etias visa

Ao utilizar nossa página web você aceita a nossa política de cookies. Clique aqui para mais informação. Eu aceito

Novo visto ETIAS para entrar na Europa

Que mudou com o ETIAS

A comissão Europeia anunciou o lançamento do visto ETIAS como forma de controlar a crise migratória na Europa, assim como aumentar a segurança e fazer frente aos múltiples ataques terroristas de que tem sido alvo. O ETIAS foi criado para todos os cidadãos não europeus, incluindo os brasileiros, que não precisavam visto para entrar na Europa. Todos os brasileiros que queiram viajar até ao velho continente vão precisar pedir uma autorização de viagem ETIAS, ou visto ETIAS, antes de viajar até à Europa. O visto ETIAS permite que todo o viajante brasileiro possa ficar na Europa por 90 dias de maneira legal, por cada 180 dias e, é válido por 5 anos.

Como ficar legalmente na Europa com o ETIAS

Uma vez terminada a validez dos 90 dias do ETIAS existe a possibilidade de prorrogar sua estadia. Cada país tem suas particularidades. Mas todos, sem excepção exigem um visto ETIAS à entrada na Europa.

Para pedir a prorrogação da sua estadia no país europeu onde deseja ficar, você vai ter que se dirigir à embaixada ou consulado mais perto de você e cumprir com os requisitos de cada país.

Motivos para prolongar sua estadia na Europa

O que geralmente chamamos de Europa na realidade consiste dos 26 países que fazem parte do bloco Schengen. O visto ETIAS permite os brasileiros viajarem pelos países do bloco Schengen durante um máximo de 90 dias. Não obstante, é possível ultrapassar os 3 meses de estadia por lá de forma legal.

Muitos brasileiros têm o sonho de viver na Europa, seja por melhorar sua qualidade de vida, ou para estudar e melhorar seu currículo ou simplesmente para ter a experiência e conhecer outras culturas. Motivos não faltam! Antes de escolher onde morar na Europa você tem que decidir o que quer fazer. Quando você decidir porque você quer morar fora, deve começar a buscar informações sobre o seu objetivo e sonhar com as possibilidades.

Estudar na Europa

Estudar na Europa

Estudar na Europa é uma ótima maneira de melhorar seu currículo e uma vez terminados seus estudos poder permanecer no país. Muitos países têm convênios com as universidades e assim você pode fazer seu estágio ou até encontrar um trabalho. Se você está interessado em estudar na Europa, procure os cursos que possuem convênios com a sua universidade.

Se você quer fazer uma pós graduação, um mestrado, um MBA, comece por buscar a universidade ou escola que ofereça o curso que você está buscando. Visite o site de cada universidade para ter a certeza que você cumpre com todos os requisitos e não deixe passar as datas de inscrição. Para conseguir o visto de estudante no país europeu de destino, você deve ir no consulado do país desejado para verificar quais os documentos necessários para o seu visto.

Mais informação

Trabalhar na Europa

Para quem quer morar na Europa para trabalhar e construir sua carreira, existe um pouco mais de burocracia. Você pode usar seu visto ETIAS para entrar na Europa e procurar trabalho ou simplesmente enquanto espera por seu visto permanente.

Outra possibilidade é tentar encontrar trabalho desde o Brasil já que há várias maneiras de contatar o seu recrutador antes de viajar. Em alguns casos as empresas se responsabilizam por uma parte dos documentos que você deve apresentar ao consulado, para então solicitar o seu visto de trabalho.

Existem ainda países europeus onde pedem profissionais em algumas áreas específicas e o próprio governo do país desenvolve programas para atrair imigração qualificada. Nesse esquema, caso aceito, o estrangeiro ganha um visto de residência e pode trabalhar e viver legalmente.

Trabalhar na Europa

Viver na Europa

Viver na Europa

Cada um tem seu motivo para vir morar na Europa: uma melhor e mais tranquila qualidade de vida, viver em um lugar com mais infraestrutura, segurança, contato com diversas culturas, uma sociedade mais igualitária, melhoria do currículo ou simplesmente por pura curiosidade. Seja qual for o seu sonho ou razão, viver no velho continente é possível ainda que seja um caminho algo burocrático.

Dependendo do país da Europa para onde você pretende ir assim como as exigências para poder viver, estudar e trabalhar podem ser diferentes. Faça uma lista com os possíveis lugares que você gostaria de morar e em seguida, comece a pesquisar as questões burocráticas já que cada país tem suas próprias regras quanto a emissão do visto.

Vivendo na Europa você terá acesso a muitas oportunidades assim como uma ótima qualidade de vida. A facilidade para viajar dentro do espaço Schengen conjuga com preços de passagens low cost, o que permite que você possa viajar com frequência. Morar na Europa é sem dúvida uma escolha muito interessante. Se você tiver a oportunidade de ir estudar, trabalhar ou os dois, não a deixe passar.