Ao utilizar nossa página web você aceita a nossa política de cookies. Clique aqui para mais informação. Eu aceito

Como o ETIAS beneficia a União Europeia e o turista?

Mapa da Europa

beneficios etias turismo UE

Quando anunciado pela União Europeia, a proposta do ETIAS foi definida de forma bastante objetiva: reforçar o controle migratório de viajantes que desejam entrar na Europa, especialmente nos países do Espaço Schengen. Embora o tema levante muitas questões, há vantagens claras tanto para o bloco econômico quanto para os viajantes. Mas como o ETIAS beneficia a União Europeia e o turista?

Primeiramente, é importante entender como o ETIAS funciona na prática. Trata-se de uma autorização de viagem eletrônica que não substitui o visto de turismo, mas será solicitada (a partir de 2021) para países com acordos diplomáticos, como o Brasil. Assim, os brasileiros que desejam viajar para a Europa nos próximos anos à turismo precisarão contar com o ETIAS para entrar em uma das nações do continente.

Todo o pedido do ETIAS é realizado online, por meio do preenchimento de um formulário. Com os dados do viajante, o sistema da autorização de viagem cruza os dados em diferentes bancos para verificar se há alguma irregularidade. Se o sistema não identificar nenhum problema em seu pedido, você recebe o ETIAS e pode seguir viagem. Nesse processo, a União Europeia tem ainda a vantagem de saber com antecedência quem está entrando e saindo de seu território – mas existem outros benefícios envolvidos.

ETIAS e a União Europeia

O principal quesito que o ETIAS beneficia a União Europeia é a segurança. De fato, a autorização de viagem do continente foi criada com a meta de aumentar a proteção dos territórios dos países que compõem o Espaço Schengen e conter os problemas decorrentes do terrorismo e das crises migratórias dos últimos anos.

Com o sistema eletrônico, os viajantes que desejam entrar em um dos 26 países do Espaço Schengen (um acordo comercial diferente da União Europeia) precisam cadastrar dados pessoais, destinos e período de viagem na plataforma de autorização. Com bases nessas informações, os governos da Europa podem identificar ameaças à segurança, seja de terrorismo ou de imigração irregular.

Além disso, outro benefício do ETIAS para a União Europeia está na redução de atrasos nas fronteiras terrestres, marítimas ou aéreas. Basta pensar que, uma vez que você entre na Europa com a autorização de viagens, passar de um país para o outro pode não ter a exigência da apresentação do passaporte. Com essa economia de tempo, os agentes migratórios podem se concentrar na investigação de imigrantes ilegais ou outros perigos.

ETIAS e o turista

Muitos viajantes tiveram dúvidas sobre a funcionalidade do ETIAS justamente por acreditarem que tratava-se de mais um documento e, portanto, mais um requisito sem vantagens claras. Porém, o ETIAS beneficia o turista de outras maneiras, sendo a resposta rápida do pedido, a facilidade de entrada nos países e a segurança geral algumas das principais vantagens.

Os países da União Europeia possuem um acordo diplomático com o Brasil, que faz com que não seja necessário solicitar um visto específico para viajar para o Velho Continente ainda em nosso território, como acontece com os Estados Unidos. Entretanto, é comum encontrar filas na imigração de cada país, onde os agentes dão até 90 dias de permanência para o viajante.

Com o ETIAS a situação muda. Como os dados do visitante já foram checados em diferentes bancos de dados, o agente migratório que confere a autorização de viagem sente-se mais seguro para a passagem do turista e aprovação do visto de turismo. É muito importante entender que o ETIAS não desvalida o visto de entrada na Europa, mas coopera para que o mesmo seja feito com mais rapidez.

Com maior controle nas fronteiras, todos os turistas de diferentes partes do mundo podem sentir-se mais seguros ao fazer seus passeios pelas cidades. Afinal, qualquer ameaça de terrorismo ou de intenções negativas por parte de outros viajantes poderá ser identificada e neutralizada no pedido do ETIAS.

Como conseguir uma autorização de viagem ETIAS?

Em 2021, todos os brasileiros precisarão contar com um ETIAS para entrar na Europa. Por ser uma autorização de viagem eletrônica, todo o processo é bem simples. Primeiro, o viajante deve preencher um formulário com dados pessoais e informações da viagem. Após o pagamento de uma pequena taxa, o sistema realiza a análise e dá o parecer. Esse processo pode levar até 72 horas, por isso é interessante abrir o procedimento com um certo tempo de antecedência.

A resposta para o pedido chegará no e-mail, que deverá ser apresentado na imigração do país de destino. O ETIAS é válido por 3 anos ou até o vencimento do seu passaporte (aquilo que acontecer primeiro). Não se esqueça de conferir quais são os documentos exigidos para entrar como turista em cada nação, já que existem regras diferentes em cada caso. Com tudo isso feito, aproveitar a viagem não será nenhum desafio.